Uma mulher que foi internada em um hospital para dar à luz sua filha voltou para casa sem as pernas. Ella Clarke tem 31 anos de idade, é casada com o mecânico Ian, de 32 anos e contou ter acordado em um hospital do NHS (Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido) com médicos à sua volta.
Ela imaginava que receberia sua filha, Winter Rose, nos braços, mas os profissionais do Torbay Hospital estavam ali para dizer que ela havia perdido as pernas, o que deveria ter sido uma operação de rotina terminou terrivelmente mal após o nascimento saudável da menina.
Ella Clarke acabou em coma induzido por cinco dias e, posteriormente, precisou ter os membros inferiores amputados para que sua própria vida fosse salva – após o sangue ter coagulado no local, suspeita-se que a coagulação aconteceu porque os médicos se esqueceram de verificar o estado de saúde da paciente. Seus advogados se preparam para lançar uma ação legal contra o hospital onde tudo aconteceu. “Eu sinto que minha vida foi tirada de mim”, disse Ella.

Foto: Reprodução/SWNS

Loading...