Uma nova mania de beleza bizarra está varrendo a Tailândia nos últimos 5 anos, onde mulheres gastam milhares de dólares para ter seu lábio superior remodelado com a forma de chifres de búfalo. Conhecido como “lábios krachap” (“castanha d’água”), o procedimento cosmético é popular aparentemente só na Tailândia. Por causa de sua forma, que se assemelha a uma cabeça de búfalo ou um morcego voador, o procedimento cosmético controverso tornou-se cada vez mais popular entre as jovens nos últimos quatro ou cinco anos.

Não está claro como a tendência começou, mas postagens no fórum de cirurgias plásticas Dungdong revelam que as pessoas estavam falando sobre a forma de lábio superior com formato de arco já em 2009, em um desejo de copiar o visual da atriz Patcharapa “Aum” Chaichua, que realmente tem uma fomação natural em arco nos lábios superiores. Mas piorou nos últimos dois anos e alguns cirurgiões plásticos estão tentando acabar com isso.
“É um problema nacional essa coisa de lábio; eu culpo a internet por isso”, disse o cirurgião plástico Chamnong Chirawichada. “Às vezes levo mais de meia hora para persuadir uma paciente a não fazê-lo, mas, em seguida, elas acabam fazendo o porcedimento em outro lugar. A redução do lábio não é apropriada para todos.”
Os lábios krachap são facilmente reconhecíveis pela secção média saliente do lábio superior, que é feita removendo o tecido das partes esquerda e direita do lábio, tornando-o mais fino. O problema não é a forma, mas as complicações que chegam quando as pessoas vão longe demais.

Lábios finos são muito populares na Tailândia, mas às vezes a redução é tão extrema que os lábios não se tocam completamente quando a boca está fechada, ou desaparecem completamente quando a pessoa está sorrindo. Fóruns de cirurgia plástica estão cheios de relatórios de procedimentos mal feitos, mas isso não parece assustar as pessoas de sybmeter-se a faca.
O Dr. Pusit Jittilaongwong admite que as cirurgias de lábio paquistanês constituem 90% de seus negócios, embora ele tenha os preços mais caros para o procedimento no país: 30.000 baht por lábio, ou 55.000 (5 mil reais) para ambos. Cerca de 70% dos seus clientes são mulheres.
As modinhas da beleza são geralmente globais ou populares em uma determinada área do mundo, mas são reservadas raramente a um único país. Mas o procedimento dos lábios krachap é somente popular na Tailândia.

“Sempre que participo de conferências internacionais, ninguém menciona o contorno dos lábios ou o lábio krachap, trata-se de uma coisa tailandesa”, disse Chamnong.
A popularidade desta cirurgia estética incomum na Tailândia pode estar ligada à natureza geralmente supersticiosa do seu povo. Vários cirurgiões plásticos confirmaram que muitos daqueles que pedem este procedimento acreditam que isso lhes trará fama e fortuna, e aparentemente a mídia também é culpada por isso.
“Alguns jornais publicam artigos sobre como a redução do lábio krachap pode proporcionar boa sorte, sucesso e dinheiro, quando na verdade ninguém pode confirmar se isso é verdade ou não”, disse Adunchai Thammasangsert, um cirurgião plástico que escreveu um artigo sobre os perigos dos procedimentos de redução dos lábios .
“O fato é que os tailandeses seguem facilmente uma tendência e são supersticiosos, enquanto as clínicas estão ficando mais ricas. A grande quantidade de opiniões da Internet sobre o lábio krachap é que é um tipo de hipnose em si mesmo. Fazendo as pessoas acreditarem que este tipo de forma de lábio é bonito e outros não são”, acrescentou.

Muitos deles são forçados a fazer nova cirugia para corrigir esses defeitos, mas cirurgiões plásticos advertem que um lábio que foi cortado demais nunca será perfeitamente reconstruído. Conseguir a reparação de lábio krachap malfeito é um caso caro, porque o procedimento é complicado e envolve o uso de tecido do interior da boca. Alguns defeitos são impossíveis de corrigir, e usuários desesperados que ficam com a boca permanentemente aberta escreveram sobre tirar suas próprias vidas no processo.
Dr. Adunchai diz que muitos asiáticos não têm grandes lábios superiores para começar, mas ainda assim solicitam reduções. E em vez de medir o lábio ao avaliar um paciente, alguns cirurgiões ignoram esta parte e apenas tomam o dinheiro da pessoa, muitas vezes deixando-os desfigurados. Ele acrescenta que tenta desencorajar as mulheres que vêm a ele para fazer cirurgias de lábios krachap, dizendo-lhes que “uma bela boca é aquela que pode fechar”.

Fotos: Reproduções/Dr. Apple Surgery

Loading...